Cantor de barzinho

Não vem tomando o remédio de memória, mas se vira nos 30. Diz que Caetano reviu e atualizou o elenco de homens-rima de “Um índio”:

Impávido que nem painho ACM
Estilão no bigode feito Dalí
Com o aval do comandante Enzo Peri
O axé da Carla Perez e do Xandy

Isso na quarta.
Pareceu fazer sentido.
Na quinta, era outra a lista de Caê pela boca de seu intérprete não tão famoso:

Intrépido e lépido qual Didi
Faminta e amigona igual Magali
Santo no céu: Dumont ou Exupéry
Profissional e doce como Sandy

Verdade ou adaptação para sobrevivência, quem saberá? Noves fora, me parece que o autor efetivamente faria algumas das substituições.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: