Mar que arrebenta

É o subtítulo do livro de contos Rasif, que Marcelino Freire lança amanhã, digo, hoje, com gravuras de Manu Maltez.

A esta hora da madruga (01:24, digo, 01:33), o que posso dizer é que são dois artistas que recomendo, além de amigos queridos. E uma bela dupla. Pude ver, rapidamente, as provas quase finais do livro e o achei impactante.

Assim que tiver o livro nas mãos, devorá-lo-ei qual Jânio Quadros a Leonardo Di Caprio, como diria Djavan. Ou bebê-lo-ei, dado que é mar. E registrarei minhas impressões aqui.

Tags: , , , ,

2 Respostas to “Mar que arrebenta”

  1. Amanda Says:

    O Angu de Sangue é uma pérola, ainda mais com aquelas imagens.
    Agora fiquei curiosa com esse outro livro…

  2. pedrobiondi Says:

    É verdade… O Angu de Sangue é potencializado pelos recursos gráficos. As gravuras do Manu também têm esse papel em Rasïf, vão além de mera ilustração. Também estou curioso pra ler o livro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: