Circo não precisa de bicho!

Eu sei, eu sei. Também já fui criança e lembro do fascínio daquelas feras domadas, ensinadas, brincando, dançando, fazendo malabarismos. Só que a magia do circo não justifica o que, da platéia, a gente não vê: leões desdentados e sem unhas, elefantes neuróticos, ursos desnutridos.

Um projeto de lei na Câmara dos Deputados tem o objetivo de proibir o uso de animais em apresentações circenses. O relator resume bem os motivos. Treinamentos à base de fome e dor. Espaços e alimentação absolutamente inadequados. Ou seja, bichos submetidos a um regime de trabalho escravo e, estressados, representando risco à integridade física (e mesmo à vida) de quem lida com eles – domadores, tratadores e público, como no caso do garoto morto por leões em Jaboatão dos Guararapes (PE).

Imagino que os maus-tratos não são realidade em 100% dos circos. Mas acontecem em grande parte deles, como várias reportagens já mostraram. E, ainda que bem alimentado, um grande felino ou outro animal silvestre não tem nada que estar num picadeiro. Bicho não é brinquedo, e esses espetáculos fazem um desserviço ao tratar como se fosse.

É possível participar do abaixo-assinado a favor da proibição clicando aqui.

Fiquemos com a magia do circo feito por quem escolheu estar lá.

Tags: , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: